CONCEITO DE IMPERMEABILIZAÇÃO

Também chamados hidrorepelentes, são substâncias que detêm a água, impedindo sua passagem, muito utilizados no revestimento de peças e objetos que devem ser mantidos secos. Agem eliminando ou reduzindo a porosidade do material, preenchendo infiltrações e isolando a umidade do meio.

A MANTA ASFÁLTICA

A Manta Asfáltica

A manta asfáltica é um dos materiais mais utilizados para impermeabilizar superfícies. Esta é uma maneira eficaz de proteger a construção e prolongar sua vida útil, evitando incômodos como infiltrações, as quais podem trazer problemas estruturais, além de ajudar a proliferação de bolores e mofos, muito associados a mal cheiro no interior dos ambientes e doenças respiratórias. Ela é indicada principalmente para estruturas sujeitas a movimentação. Quer outras indicações de produtos para telhados e coberturas? Leia: Tinta Térmica para Telhas e Manta Térmica para Telhados

TELHADO E LAJE DE COBERTURA

Como é a cobertura da sua casa? Se você tem laje, mesmo que protegida por um belo telhado, precisa investir em impermeabilização. Assim, ainda que a água infiltre por uma telha trincada ou desencaixada, as gotículas não vão passar da laje – e você estará livre de manchas de bolor e pinga-pinga. Se você usa a laje de cobertura como terraço ou solário – e, portanto, ela fica descoberta –, redobre a atenção. A água vai incidir diretamente sobre a superfície e, nesse caso, além das indesejáveis goteiras, a umidade pode penetrar na estrutura, corroer o ferro e colocar a obra em risco. Embora o concreto tenha aquele aspecto forte e impenetrável, ele sempre apresenta fissuras – a maioria nem se vê a olho nu. “A laje também protege outras estruturas da casa, como as paredes”, completa o engenheiro civil carioca João Jordy. Vimos que o sistema mais indicado para impermeabilização de superfícies que se movimentam, como as lajes, é o flexível, porque ele acompanha esse vai-e-vem. Uma alternativa são as mantas, indicadas para áreas com mais de 20 m² – há alguns tipos com diferentes características. Já as emulsões são de fácil aplicação. Dependendo do produto, você terá de assentar argamassa para salvaguardá-lo das intempéries (proteção mecânica).

”"

 

A PROTEÇÃO DA CASA COMEÇA NO ALICERCE PISO

O que chamamos de piso, aqui,é na verdade o piso que está em contato com a terra – ou seja,o contrapiso. Portanto, quem tem fundação radier,que você anteriormente, e adotou aqueles procedimentos já está protegido. Para casas com outros modelos de fundação, o produto a ser utilizado depende das características do solo – viu como é útil encomendar o estudo do terreno? Se for pouco estável, ou seja, sujeito a movimentações e umidade, parte-se para os impermeabilizantes flexíveis. Eles mantêm a casa protegida mesmo se o vai e vem acabar ocasionando pequenas fissuras. Em solos compactos e secos, pode-se utilizar os produtos do sistema rígido. Neste caso, na argamassa do contrapiso usa-se cristalizante, hidrofugante ou argamassa polimérica.

A PROTEÇÃO DA CASA COMEÇA NO ALICERCE II

SONDAGEM
Muita gente dispensa o estudo do terreno (que inclui levantamento topográfico) sem saber como essas informações são valiosas na hora de determinar o tipo de fundação e de impermeabilização a serem utilizadas. É fundamental saber se há lençol freático e variação de permeabilidade.

E AS ESTACAS?

UMIDADE

É preciso conhecer o inimigo antes de travar a batalha. O que significa, nesse caso, saber de onde ele vem antes de corroer as estruturas, provocar manchas de bolor e goteiras. Há quatro caminhos básicos:
1.UMIDADE DO SOLO. Ela é natural da terra.Absorvida pelo concreto da fundação, sobe e causa prejuízos como descolamento do piso ou bolor em rodapés.

O QUE É IMPERMEABILIZAR

Impermeabilizar é proteger uma estrutura contra os efeitos da umidade. Isso se faz com produtos que impedem a passagem da água através das lajes e paredes – os chamados impermeabilizantes –e outros acessórios para terminar a vedação. E não se pode descuidar de nenhum detalhe ao montar a sua armadilha contra a umidade.